sábado, julho 13, 2024
Com Beto Carmona
InícioNotíciasCosta VerdePor causa de baixa procura, Ministério prorroga campanha de vacinação

Por causa de baixa procura, Ministério prorroga campanha de vacinação

O Ministério da Saúde prorrogou até o dia 30 de setembro, a Campanha Nacional de Vacinação que tem como foco a paralisia infantil. A medida foi motivada pela baixa adesão da população à campanha. Apenas 34% do público-alvo de 1 a 4 anos tomou a vacina contra a poliomielite.

— O Programa Nacional de Imunizações permanece alertando sobre a importância e o benefício da vacinação do público-alvo das campanhas para a manutenção da eliminação da poliomielite, uma vez que a doença permanece como uma prioridade política, nacional e internacional, e a erradicação só será possível mediante esforços globais, e pela necessidade de proteger as crianças e adolescentes contra as doenças imunopreveníveis e respectivamente melhorar as coberturas vacinais — destaca o documento.

O Brasil é considerado país livre da poliomielite desde 1994, mas, com a baixa adesão vacinal, médicos alertam para os riscos de volta da doença, especialmente após o registro de novos casos em países como os Estados Unidos e Israel. A meta brasileira é imunizar 95% de um total de 14,3 milhões de crianças.

Em Angra dos Reis, a secretaria municipal de Saúde fará mobilização extra no próximo final de semana para alcançar mais crianças. A participação de pais e responsáveis é fundamental para o sucesso da campanha.

RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS LIDAS

SIGA-NOS

26,000FãsCurtir
13,300SeguidoresSeguir
1,420InscritosInscrever
Sorteio de Bonés no APP
X