quarta-feira, julho 24, 2024
Com Beto Carmona
InícioNotíciasAngra dos ReisBrasil se aproxima de quatro mil mortes por dengue

Brasil se aproxima de quatro mil mortes por dengue

O painel de monitoramento de arboviroses do Ministério da Saúde contabiliza quase seis milhões de casos prováveis de dengue e 3.910 mortes confirmadas pela doença ao longo de 2024. Além disso, há 2.970 óbitos em investigação. O coeficiente de incidência da dengue no Brasil, atualmente, é de 2.939 casos para cada 100 mil habitantes.

Os jovens entre 20 e 29 anos representam a maior parte dos casos de dengue, seguidos pelas faixas etárias de 30 a 39 anos, 40 a 49 anos, e 50 a 59 anos. As faixas etárias com menores percentuais de casos são menores de um ano, 80 anos ou mais, e de um a quatro anos.

Em números absolutos, o estado de São Paulo lidera com 1.813.282 casos, seguido por Minas Gerais com 1.607.043 casos e pelo Paraná com 614.713 casos. Considerando o coeficiente de incidência, o Distrito Federal tem o maior índice, com 9.547 casos para cada 100 mil habitantes, seguido por Minas Gerais (7.824) e Paraná (5.371).

Chikungunya
O painel também registra 220.828 casos prováveis de chikungunya, outra arbovirose transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Em 2024, a doença resultou em 121 mortes confirmadas, com 139 óbitos ainda em investigação. O coeficiente de incidência de chikungunya no Brasil é de 108,8 casos para cada 100 mil habitantes.

Zika
Em relação à zika, foram contabilizados 8.466 casos prováveis em 2024, sem mortes confirmadas ou em investigação. O coeficiente de incidência de zika no Brasil é de 4,2 casos para cada 100 mil habitantes.

RELACIONADAS

MAIS LIDAS

SIGA-NOS

26,000FãsCurtir
13,300SeguidoresSeguir
1,420InscritosInscrever
Sorteio de Bonés no APP
X