quarta-feira, junho 19, 2024
Com Beto Carmona
InícioDestaquesCantor Tiee é condenado à prisão após ameaças à ex-namorada. Entenda!

Cantor Tiee é condenado à prisão após ameaças à ex-namorada. Entenda!

O cantor Diógines Ferreira de Carvalho, o Tiee, foi condenado a um mês e 18 dias de prisão por supostas ameaças à ex-namorada, a estudante de odontologia Ingrid Freitas.

No documento assinado pelo juiz Alberto Fraga, foi decidido que Tiee poderá cumprir a pena em liberdade, por enquanto. Porém, o magistrado garante que há indícios suficientes para apontar a autoria do crime. A sentença foi dada por “violência doméstica e familiar contra a mulher”, com ameaças de agressão física e de divulgação de fotos íntimas.

Segundo a denúncia, em 2020 o cantor teria começado a fazer terror psicológico na estudante de odontologia, após o fim do relacionamento deles, quando ela descobriu que ele já era casado com Bárbara Murta, e colecionava outras amantes.

“O denunciado, de forma livre e consciente, ameaçou sua ex-companheira Ingrid dos Santos Freitas, por meio de escritos, de causar-lhe mal injusto e grave, mediante mensagens (…) causando, assim, fundado temor e desassossego em seu espírito”, diz o texto.

Em prints divulgados por Ingrid, é possível observar as ameaças sofridas pela vítima. “Posta (fotos dos dois juntos) que eu mando você pelada pra todo mundo. Me causa problema pra você ver se eu não mando foto pelada pro seu pai, pro batalhão todo dele”.

“Todos esses elementos, analisados em cotejo, conferem a certeza necessária e demonstram de maneira inequívoca de que o réu ameaçou a vítima Ingrid, por meio de escritos, de causar-lhe mal injusto e grave, consistente em divulgar fotos e vídeos íntimos da vítima. As provas da autoria e materialidade, assim, são firmes e indiscutíveis, suficientes para escorarem um juízo de reprovação, restando plenamente caracterizado o delito de ameaça”, afirmou o juíz Alberto Fraga.

A defesa do cantor, representada pelo advogado José Estevam Macedo Lima, afirmou que ainda não foi comunicada formalmente da decisão, mas que, irá “recorrer ao Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, em busca da verdade dos fatos” assim que a intimação for feita.

O advogado diz ainda não acreditar na manutenção da sentença, alegando que não houve perícia para comprovar a veracidade das provas em “‘prints’ de supostas mensagens de WhatsApp”, bem como “a realidade do contexto fático narrado pela suposta vítima”.

A nota ainda diz que o artista “repudia todo e qualquer tipo de agressão e assevera que irá provar sua inocência ante à evidente injustiça”.

Foto: Reprodução/ Instagram

Fonte: observatoriodosfamosos.uol.com.br

RELACIONADAS

MAIS LIDAS

SIGA-NOS

26,000FãsCurtir
13,300SeguidoresSeguir
1,420InscritosInscrever
Sorteio de Bonés no APP
X