sexta-feira, abril 12, 2024
Com Beto Carmona
InícioNotíciasAngra dos ReisDengue mata jovem de 23 anos no Rio

Dengue mata jovem de 23 anos no Rio

Foi confirmada, pelo secretário municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz, mais uma morte por dengue na capital fluminense, nesta quarta-feira (14). Em todo estado, já somam quatro as mortes pela doença, sendo duas no Rio, uma em Mangaratiba e uma em Itatiaia.

A segunda vítima era morador de Senador Camará, na Zona Oeste da cidade. O jovem de 23 anos teve os sintomas clássicos da doença, mas não apresentava comorbidades. Após três dias, o quadro evoluiu para sinais de alarme e gravidade como queda de pressão quando fica em pé, sensação de perda de força muscular, queda abrupta de plaquetas, dor abdominal intensa, sangramento espontâneo de mucosa e desidratação. O exame RT PCR foi detectável para dengue tipo 2.

Segundo dados do Painel Monitora, da Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ), de janeiro até o dia 13 de fevereiro, o estado registrou 39.311 casos prováveis de dengue. No ano passado, o Centro de Inteligência em Saúde (CIS-RJ), da secretaria, contabilizou 51.479 registros prováveis da doença, com 32 mortes.

Os indicadores do Estado mostram que Angra possui 691 casos por 100 mil habitantes, o que fez a prefeitura decretar emergência em saúde pública. Até 7 de fevereiro foram registrados 1.574 casos suspeitos de dengue e duas mortes são investigadas. “Em Angra, 86% dos focos estão nas residências, por isso a importância de reforçamos cada vez mais os cuidados em nossas casas. Com apenas 10 minutos na semana, podemos combater o mosquito e salvar vidas”, destacou o secretário de Saúde, Rodrigo Ramos.

RELACIONADAS

MAIS LIDAS

SIGA-NOS

26,000FãsCurtir
13,300SeguidoresSeguir
1,420InscritosInscrever
Sorteio de Bonés no APP
X