quarta-feira, julho 24, 2024
Com Beto Carmona
InícioDestaquesWhindersson Nunes faz apelo por lei após tragédia com jovem afetada por...

Whindersson Nunes faz apelo por lei após tragédia com jovem afetada por fake News. Entenda!

Recentemente, em um vídeo divulgado na segunda-feira de Natal, 25 de dezembro, o comediante Whindersson Nunes abordou a dolorosa história de Jéssica Vitória, uma jovem cuja vida foi impactada negativamente por notícias falsas, culminando em um desfecho trágico. Nunes, familiarizado com as adversidades causadas por boatos, compartilhou sua experiência pessoal e como sua notoriedade ajudou a lidar melhor com situações similares.

A situação de Jéssica, contudo, se agravou progressivamente, resultando em seu suicídio. Esse evento trágico levou a um aumento significativo de críticas à página de fofocas ‘Choquei’, identificada como a primeira a divulgar a notícia falsa.

Em seu vídeo, Nunes expressou sua solidariedade à mãe de Jéssica, enfatizando sua própria luta para superar traumas psicológicos e sexuais sofridos na infância. “Tento há muito tempo dar sentido a minha vida e me recuperar de abuso psicológico e sexual na infância. Estou mostrando minha parte vulnerável para a senhora (mãe de Jessica) após a senhora mostrar o seu lado vulnerável. Já passei de tudo um pouco, mas jamais incentivaria alguém a tirar a própria vida”, refletiu o humorista.

Ele continuou: “Tem muitos momentos em que eu desejo não viver, mas nunca incentivaria ninguém a tirar a própria vida. Toda vez que pensei em tirar a minha vez, houve uma vez feliz de não ter feito. Sinto muito que a senhora tenha que passar pelo que eu passei por poucas horas com o meu filho. Sei que nem posso mensurar, mas se eu puder de alguma forma fazer com que essa dor diminua, estou aqui”.

Além disso, Nunes solicitou que as perseguições ao responsável pela página ‘Choquei’ cessassem, reiterando a necessidade de evitar mais vítimas. Ele propôs a criação de uma nova legislação, batizada de “Lei Jessica Vitória”, visando fortalecer as leis brasileiras contra o jornalismo não oficial e as notícias falsas. “Me comprometer a acompanhar as investigações e iniciar o movimento para criar uma lei chamada Jessica Vitória. Aprimorar a legislação brasileira neste negócio que está acontecendo agora que é esse jornalismo não oficial. Isso é muito perigoso. Tem que ser crime postar uma conversa que duas pessoas não autorizaram. A não ser que seja exposição de crime. E no meu caso era fake news. Por isso que é perigoso não ir atrás da verdade para mostrá-la”, argumentou Nunes.

Foto: Reprodução

Fonte: purepeople.com.br

RELACIONADAS

MAIS LIDAS

SIGA-NOS

26,000FãsCurtir
13,300SeguidoresSeguir
1,420InscritosInscrever
Sorteio de Bonés no APP
X